BRASIL PRA FRENTE

BRASIL PRA FRENTE!
O RIO DE JANEIRO DE PÉ PELO BRASIL!





















segunda-feira, 12 de maio de 2014

PARTIDO DE TIRADENTES/GETÚLIO VARGAS, O PMDB E AS ELEIÇÕES.



"MAS ESSE POVO DE QUEM FUI ESCRAVO NÃO MAIS SERÁ ESCRAVO DE NINGUÉM"


Este ano, 2014 teremos eleições para Presidente da República. novamente o que esta na disputa no fundo dois projetos a meu ver para o Brasil.

O ex-presidente da ABI, Barbosa Lima Sobrinho, dizia que no Brasil, na prática só existiram dois partidos o de Tiradentes e o de Silvério dos Reis.

Refletindo sobre isso o que vemos na prática são dois projetos; O de Tiradentes/Getúlio Vargas e o de Silvério dos Reis/Lacerda.

Quando assisti o filme, neste sábado do Getúlio, muito bem interpretado pelo ator Tony Ramos, comecei a pensar sobre a aqueles momentos em que o Brasil vivia.O que foi a Revolução de 1930 até o golpe de de 1964 e hoje em 2014.

Como esta disputa esta presente de lá para cá e até mesmo antes da revolução de 1930, ou seja um Brasil mais independente ou um Brasil mais submisso aos interesses do imperialismo.

Penso que seja muito importante refletirmos sobre isso, neste momento de sucessão presidencial e as eleições a governador, deputado federal e estadual. Em que lado estaremos o de Tiradentes/Getúlio ou Silvério dos Reis/Lacerda.

Os candidatos que se apresentam de oposição a presidente Dilma, pelo seu passado, seus partidos seus, compromissos ideológicos, alianças que se apresentam não estão com Tiradentes/Getúlio Vargas. 
A grande mídia há muito tempo toma posição, não esta isenta, "neutra" nesta disputa, sempre combateu, de forma sistemática, vergonhosa, escrota, com mentiras, qualquer governo progressista, ou qualquer posição do parlamento brasileiro a favor dos interesses nacionais, sempre foi uma aliada do imperialismo e de brasileiros que recebem migalhas do imperialismo. Os meios de comunicação tornaram um braço ideológico do imperialismo, e da politica econômica anti-nacional.

O ataque a Petrobras, aos  Correios, as estatais que eles doaram a preço de banana para as empresas estrangeiras com dinheiro do BNDES fazem parte do projeto deles de traição, a velha cantilena de combate a corrupção, daqueles que são os mais corruptos, já são velhos conhecidos dos brasileiros de boa índole. Isso tudo faz parte da estratégia do imperialismo para colocar um governo, um "Cônsul", para defender seus interesses, aqui no Brasil.

Com o golpe de 1964 (Governo Silvério dos Reis/Lacerda), iniciou uma politica anti-Vargas, como disse o grande líder Tancredo Neves. Derrotamos a ditadura, tiramos o neo-capacho do Collor, derrotamos o PSDB (Governos Silvério dos Reis/Lacerda) elegemos Lula e Dilma(Governo Tiradentes/ Getúlio Vargas) e assim tem sido a luta do povo brasileiro. E agora os mesmo que deram sustentação ao golpe de 1964 e ao desastrado e corrupto, de traição nacional que foi o de Fernando Henrique querem nos fazer crer que o o filho de Aécio Cunha(financiado pelo IBAD), contra o governo democrático de João Goulart, é a melhor alternativa para o Brasil.

Dizem que o povo quer mudanças, certamente que sim, mas eles não representam mudanças, só se for mudanças com baita retrocesso do que já vivemos no período dos tucanos no poder, só não destruiu a pátria, porque resistimos bravamente, ainda resta entulho daquela politica que precisamos remover para avançarmos mais.

O PMDB teve e tem um papel importante de apoio e sustentabilidade ao governo do presidente Lula e hoje da presidenta Dilma. Penso que essa aliança precisa manter-se, para avançarmos no projeto Tiradentes/Getúlio Vargas. 

O governo da presidenta Dilma apesar dos equívocos, a meu ver com relação a politica de juros altos, tem seguido com aprofundamento da independência econômica, um pouco mais lenta do que Lula, mas não se submete aos EUA, isso é bom.

O governo tem realizado grandes obras de desenvolvimento, como a construção de Usinas Hidrelétricas, para nossa maior independência energética, refinarias de petróleo, construção de casas (Minha Casa Minha Vida), incentivo a industria,qualificação profissional, combate a corrupção, investimentos em educação, saúde e etc.

Certamente que ainda não aprofundamos maior independência econômica, a correlação de forças internas, ainda se mantém uma politica conciliatória com setores ligados as forças retrogradas.  Se democratizarmos os meios de comunicação, acabando com o monopólio da comunicação, avançaremos na democracia e na independência econômica. Também precisávamos retomar para o Brasil as empresas estatais "vendidas", como a Vale do Rio Doce, a Telebrás, Embraer e outras de estratégia soberana, para o Brasil.
PMDB/PT na aliança nacional é fundamental para a consolidação e aprofundamento da nossa independência econômica. Entender isso a meu ver é passar por cima de questiúnculas menores, de interesses puramente pessoais, de grupos, não enxergar ou não querer enxergar o Brasil.

Aqui no RJ, o governador Sérgio Cabral/Pezão agiu de forma correta, como projeto "Somando Forças". Esta estratégia contribuiu para que o RJ, crescesse, se inserisse no projeto de desenvolvimento nacional, não deixou nosso estado isolado. Agiu com independência, ao ir para rua com a campanha do Royalties do Petróleo, trouxe para o RJ a Copa de Futebol, as Olimpíadas, que gerou e gera milhares de empregos, a refinaria de Itaboraí, com apoio do governo federal implantou as UPPS, as UPAS, construiu escolas, apoiou o ensino profissionalizante da FAETC, construiu o Rodoanel, Metrô até a Barra da Tijuca, fez concursos públicos e etc. Sem essa parceria com o governo Federal, o RJ estaria muito atrasado. 

Certamente que há muitos  problemas ainda a resolver, mas iniciou-se um processo que não podemos retroceder. Penso que o PT do RJ esta equivocado ao romper esta aliança, por interesses puramente pessoais de alguns setores que dominam a politica deste partido aqui no estado. E agem de forma a levar o desgaste  o governo do PMDB no RJ, para favorecer seu  candidato. Quem esta dividindo as forças nacionais Tiradentes/Getúlio Vargas, são eles aqui no RJ, agem como quinta-coluna. Estão querendo afastar a presidenta Dilma do nosso governador Pezão, ou seja destruir tudo o que foi construído pelo governo Sérgio Cabral/Pezão.

Nós do PMDB não temos que entrar nesse jogo aliando-se a candidatos que não tem compromisso com o Brasil, que estão com a politica Silvério dos Reis/Lacerda. Nossa grandeza estará em mostrar ao povo do RJ que o PT  do estado RJ é anti-nacional, não "Soma Forças", esta querendo dividir o Brasil e o RJ.

Penso o que precisamos é abrir maior dialogo com a sociedade organizada, sindicatos, associações de moradores, organizações da sociedade civil, ouvir seus pleitos, criar fóruns e conselhos de maior participação, com isso estaremos aprofundando maior participação social e os projetos seriam discutidos e encaminhados com apoio da sociedade fluminense. O que talvez tenha ocorrido muito pouco.

As manifestações ocorridas ano passado apesar dos problemas de "vandalismo", que nada tinham haver com os pleitos da sociedade, as insatisfações existem. Se verificarmos o transporte urbano esta ruim ainda, a saúde precisa melhorar mais, assim como a educação e etc. O governo Sérgio Cabral/Pezão houve avanços importantes que precisamos avançar mais, "Somando Forças" é que conseguiremos melhorar ainda mais as condições de vida da população, principalmente os trabalhadores.

O PT do RJ e seus satélites não tem o monopólio das organizações da sociedade, dos sindicatos, dos moradores. Por isso urge maior aproximação real do governo e da sociedade. O governador Pezão com suas características e origem tem todas as condições de estabelecer essa aproximação com a sociedade.

As eleições de 2014  terá características diferentes,  o projeto Silvério dos Reis/Lacerda estão mais raivosos e farão de tudo para impor a candidatura tanto de Aécio ou de Eduardo Campos. Não podemos nos dispersar, nos dividir neste momento importante de virada. A meu ver temos que seguir "Somando Forças" e nacionalmente acompanhar nosso líder Michel Temer.

Ou o Brasil caminha no projeto Tiradentes/Getúlio Vargas ou paralisa no projeto Silvério dos Reis/Lacerda. O RJ tem muita responsabilidade nacional, sabemos o que aqui se "toca" boa parte do Brasil acompanha. O RJ não se submeterá e o Brasil ao agachamento daqueles que querem tornar este país colonia dos EUA.

"Subvencionarão brasileiros inescrupulosos, seduzirão os ingênuos e inocentes. Em nome de um falso idealismo e de uma falsa moralização, dizendo atacar sórdido ambiente corrupto, que eles mesmos, de longa data, vêm criando, procurarão, atingindo a minha pessoa e o meu governo, evitar a libertação nacional e prejudicar a organização do povo." Getúlio Vargas

"É preciso conservar aceso o fogo sagrado e vigilante do nosso patriotismo e do nosso devotamento à causa pública. E, fazendo isso, estaremos construindo, lentamente, a independência econômica e lutando contra os seus principais inimigos, que são o imperialismo, na esfera internacional, e a exploração do homem pelo homem, no meio interno"

Essas frases de Getúlio Vargas que temos que estar atentos, vigilantes.
Aylton Mattos

Nenhum comentário: