BRASIL PRA FRENTE

BRASIL PRA FRENTE!
O RIO DE JANEIRO DE PÉ PELO BRASIL!





















sexta-feira, 23 de maio de 2014

O DEM "tem medo"... de acabar!


Por Altamiro Borges

O programa do DEM, apresentado em cadeia nacional de rádio e televisão na noite desta quinta-feira (22), poderia ter sido encenado num cemitério. No caso dos demos, até mesmo no inferno - se o diabo autorizasse! Num dos trechos, um jovem ator afirma: "Eu não tenho medo de mudar. Eu tenho medo é de que tudo continue como está. Ou até piorar". De fato, este partido da velha oligarquia corrupta e patrimonialista deve estar com muito medo. Medo de acabar! A cada eleição, o DEM - ex-Arena ou ex-PFL - perde força. A sigla, que já teve mais de 120 deputados federais, hoje conta com apenas 28 teimosos direitistas. Sua única governadora, do Rio Grande do Norte, está totalmente desmoralizada.

Satélite do PSDB e aliado canino de Aécio Neves, o cambaleante presidencial tucano, o DEM usou a propaganda partidária para atacar o governo Dilma Rousseff. Tentou fazer um patético contraponto ao programa do PT, que exorcizou os "fantasmas do passado". Mas será difícil convencer alguém. Em outro trecho, os demos negam as conquistas dos últimos anos. Um jovem ator garante que "tudo o que eu conquistei nos últimos anos foi com esforço do meu trabalho". Coisa de ator de péssima memória. Por que ele não conquistou emprego e melhores salários no período de FHC, quando os demos estavam no governo e o desemprego bateu recordes e a renda foi duramente arrochada? 

O mesmo ator, que deveria receber uma boa grana pelas besteiras que falou, afirma ainda que "não recebi nada de ninguém, muito menos do governo... O que o governo deveria ter feito com o dinheiro dos impostos não fez. Não melhorou a saúde nem a educação". Uma simples comparação entre o que foi realizado pelos governos Lula e Dilma nestas e outras áreas comprova o desastre do condomínio PSDB-DEM no triste reinado de FHC. A propaganda também trata de corrupção. Nesta caso, nem é preciso gastar o teclado. É só lembrar do ex-governador do Distrito Federal, o "honesto" Arruda, ou do ex-senador Demóstenes Torres, "o mosqueteiro da ética" da revista Veja.

O DEM deve, realmente, ficar com medo! Medo de nem o capeta aceitar os demos no inferno!

Nenhum comentário: