BRASIL PRA FRENTE

BRASIL PRA FRENTE!
O RIO DE JANEIRO DE PÉ PELO BRASIL!





















quarta-feira, 18 de março de 2015

Fidel diz que Venezuela está preparada para enfrentar EUA


O líder cubano Fidel Castro disse terça-feira (17) que a Venezuela está preparada para enfrentar tanto do ponto de vista diplomático como militar a "política insólita" de "ameaças e imposições" dos Estados Unidos, em uma carta ao presidente Nicolás Maduro.

Por Redação - tradução livre do site Cuba em Debate



Na segunda carta enviada a Maduro em uma semana, Fidel escreve que a Venezuela "sempre esteve disposta a dialogar de maneira pacífica e civilizada com o governo dos Estados Unidos, mas nunca aceitará ameaças e imposições desse país". O texto foi divulgado pela imprensa cubana.
Fidel elogia a "atitude" do povo venezuelano e a "disciplina exemplar e o espírito da Força Armada Nacional Bolivariana" contra a lei do presidente Barack Obama que impôs sanções a funcionários da Venezuela e declarou o país uma "ameaça" à segurança nacional dos Estados Unidos.
"Faça o que fizer o imperialismo americano, ele não poderá jamais contar com elas [as forças da Venezuela] para fazer o que fez durante tantos anos", declara Fidel. "Hoje, a Venezuela tem os soldados e oficiais mais bem equipados da América Latina", acrescenta o líder de 88 anos, afastado da presidência desde 2006 por motivos de saúde.

Fidel orienta passos de Maduro

Fidel ressalta que o povo venezuelano "nunca permitiu um retorno ao passado vergonhoso da era pré-revolucionária". Ele também cumprimenta os 11 países da Aliança Bolivariana para os Povos da América (Alba), que se reunirão nesta terça-feira em uma cúpula, em Caracas, para "examinar a política incomum" dos Estados Unidos contra a Venezuela e a Alba.
O encontro em Caracas ocorre depois que o Congresso venezuelano concedeu, no último domingo, superpoderes "anti-imperialistas" para Maduro. O presidente poderá governar por decreto, até o final de 2015, nas áreas de segurança e defesa.
Em outra carta a Maduro, na terça-feira passada, Fidel havia felicitado o líder venezuelano por seu "brilhante e corajoso discurso" contra as sanções impostas por Washington. No mesmo dia, o governo cubano manifestou "apoio incondicional" ao seu aliado e qualificou as sanções americanas de "medida arbitrária e agressiva". A declaração feita pelo atual presidente cubano e irmão de Fidel, Raúl Castro, significou o primeiro atrito com os Estados Unidos depois do anúncio histórico de reconciliação entre os dois países, em dezembro.
As negociações para a reabertura da embaixada americana em Cuba continuam em "clima profissional", declarou nesta terça-feira a diplomacia cubana.

Leia na integra: 

Honorável Presidente da República Bolivariana da Venezuela, Nicolas Maduro:

Como a imprensa tem publicado amanhã terça-feira 17 março, terá lugar em Caracas ALBA Summit para discutir a política incomum de o governo dos EUA contra a Venezuela e ALBA .
A ideia de criar esta organização era Chávez, ansiosos para compartilhar com seus irmãos caribenhos enormes recursos econômicos com que a natureza dotou o seu país de nascimento em si, mas seus benefícios tinham ido para as mãos de poderosas empresas americanas e algumas milionários venezuelana.
Corrupção e resíduos foram o principal estímulo da primeira tendência oligarquia fascista, viciado em violência e crime. Então intolerável para o povo heróico da Venezuela é a violência e crime que foi cometido contra ele não pode ser esquecido, e nunca permitiu que um retorno ao passado vergonhoso da era pré-revolucionária que deu origem ao assalto shoppings e assassinato de milhares pessoas, das quais ninguém pode dizer da figura hoje.
Simón Bolívar entregou-se à tarefa colossal de libertar o continente. Mais da metade de seus melhores pessoas lutaram e morreram em anos de luta ininterrupta. Com menos de 1% da superfície do planeta, tem as maiores reservas de petróleo do mundo. Durante um século inteiro foi forçado a produzir todo o combustível que as potências européias e os Estados Unidos precisavam. Embora hoje hidrocarbonetos formados em milhões de anos, não consomem mais de um século, e os seres humanos atingiu hoje a 7,2 bilhões em cem anos irá duplicar, e acrescentou 221,000 milhões, uma pergunta a mais avançada tecnologia pode permitir a sobrevivência da espécie humana um pouco mais.
Por que não fabuloso mídia de massa são usados ​​para informar e educar sobre estas realidades, ao invés de promover o engano, que qualquer pessoa em sã consciência deveria saber?
Um ALBA não pode prosseguir sem levar em conta as realidades que nos tocam tão de perto.
A República Bolivariana da Venezuela declarou precisamente que sempre esteve disposto a discutir uma maneira pacífica e civilizada com o governo dos EUA, mas nunca aceitar ameaças e imposições do país.
Acrescento que tenho observado a atitude, não só o heróico povo de Bolívar e Chávez, mas também uma circunstância especial: a disciplina exemplar e espírito das Forças Armadas Nacional Bolivariana. Faça o que fizer o imperialismo dos EUA, ele nunca pode ser contado para fazer o que ele fez por tantos anos. Hoje Venezuela tem as melhores soldados e oficiais equipados da América Latina.
Quando você se reuniu com autoridades nos últimos dias você pode ver que eles estavam prontos para dar a última gota de seu sangue para seu país.
Um abraço fraterno para todos os venezuelanos, os povos da ALBA, e para você.

EM TEMPO: SE LIGA FORÇAS ARMADAS BRASILEIRAS 
Importante declaração do comandante Fidel. Com certeza toda a América latina irá defender a Venezuela. Uma invasão na Venezuela pelos EUA , esta muito próximo do Brasil fronteira da Amazônia. Se liga Forças Armadas Brasileiras.


17 de Março de 2015, Fidel Castro Ruz


 http://www.portalmetropole.com

Nenhum comentário: